Onde a palavra "Lego" vem

Onde a palavra "Lego" vem

Hoje eu descobri de onde vem a palavra “lego”.

Em 1934, o carpinteiro dinamarquês Ol Kirk Kristiansen, o fundador do que hoje conhecemos como Lego®, pediu à sua equipe que criasse um bom nome para sua empresa de brinquedos em crescimento. Os dois nomes que acabaram sendo finalistas foram “Legio” e “Lego”. A primeira foi uma referência a uma “legião” como em uma “Legião de brinquedos”. O segundo, que venceu, foi feito a partir de uma contração de “leg godt”, que é uma frase dinamarquesa que significa “jogue bem”.

Curiosamente, “lego” também é uma palavra latina que significa “coletar ou coletar”, o que é um pouco adequado, dado o que seu produto mais popular acabou sendo.

Fatos do bônus:

  • No final da década de 1940, uma empresa chamada Kiddicraft começou a fabricar “Kiddicraft Self-Locking Building Bricks”, que foram patenteados por Hilary Harry Fisher Page. Kirk Kristiansen se deparou com esses tijolos em uma demonstração que ele foi mostrado de uma máquina de moldagem por injeção. Ele então copiou esses tijolos e vendeu-os sob sua própria marca como "tijolos de ligação automática". Não está claro se Kristiansen sabia que esses tijolos foram patenteados ou não na época ou apenas viu o potencial de um tijolo de plástico tão pequeno como um produto de brinquedo ao observar a demonstração da máquina de moldagem por injeção. Para sua sorte, Page morreu sem saber que o Lego® havia copiado seu produto ilegalmente.
  • Cerca de 31 anos depois, a Lego® adquiriu a Kiddicraft quando eles estavam se preparando para, ironicamente, processar a Tyco por copiar ilegalmente seus tijolos; portanto, eles precisavam de possuir o Kiddicraft para evitar perder o caso porque eles mesmos haviam copiado os tijolos do Kiddicraft em primeiro lugar. No final, eles perderam o caso e a Tyco continuou vendendo os tijolos, que na época lhes rendiam cerca de US $ 20 milhões por ano. Então os 3 milhões de dólares que a Tyco gastou na batalha legal com a Lego acabaram valendo a pena.
  • A empresa Lego® é propriedade da família Kirk Kristiansen há mais de 80 anos e atualmente é administrada pelo neto do fundador, Ol, Kjeld Kirk Kristiansen. A Lego® é a quinta maior fabricante de brinquedos do mundo, com vendas anuais em torno de US $ 1,5 bilhão.
  • Ol Kirk Kristiansen entrou no mundo dos negócios em 1916 em Billund, na Dinamarca, trabalhando como carpinteiro. No começo, ele fez escadas, banquetas, tábuas de passar roupa, casas construídas e pequenos brinquedos de madeira, entre outras coisas. Em 1924, sua oficina foi incendiada graças aos seus filhos mais novos, por isso construiu uma oficina maior para poder expandir seus negócios. Os negócios desaceleraram, no entanto, e em 1932, ele estava saindo do negócio como carpinteiro em geral. De lá, ele decidiu mudar seu foco para brinquedos de madeira, como miniaturas de casas de madeira, carros, caminhões, cofrinhos, ioiôs e coisas do gênero. Para complementar sua renda, no começo, Kirk Kristiansen continuou fazendo pequenos trabalhos de carpintaria, como fabricar móveis. Não foi até a década de 1940, quando o plástico começou a se popularizar, que a Lego® começou a fabricar brinquedos moldados injetados de plástico, como um caminhão de brinquedo que podia ser montado e desmontado, e em 1949 quando copiaram os tijolos de Kiddicraft.
  • Na década de 1960, outro incêndio causou o problema de Kirk Kristiansen, queimando todo um depósito de brinquedos de madeira Lego®. Em vez de reconstruir, o Lego® decidiu abandonar a fabricação de brinquedos de madeira e optou por fixar sua empresa na linha de brinquedos de plástico.

Deixe O Seu Comentário